AMEAÇAS DE MORTE

AMEAÇAS DE MORTE

Victor Abilio Fonseca Nhaga faz ameaças de morte acompanhadas de insultos a mim, Fernando Casimiro Didinho, apenas e só, por querer negar aos outros, o mesmo direito que ele tem, quiçá, de responsavelmente, expressar a sua opinião sobre o nosso País, a Guiné-Bissau.

Victor Abilio Fonseca Nhaga, que não é meu amigo no Facebook, mas que é amigo de 93 amigos meus amigos no Facebook (espero que tirem ilações sobre a amizade que têm com ele), enviou-me hoje 2 áudios com ameaças de morte e insultos, à minha pessoa, que partilho publicamente neste post, para que cada um veja como é que os defensores do sr. derrotado, embusteiro-mor, hipócrita e promotor de mentiras, lidam com o pluralismo democrático, e o Estado de Direito, negando a liberdade de expressão aos demais, e, ameaçando-os de morte.

Ao sr. Victor Abilio Fonseca Nhaga apenas digo que ouvi o recado enviado e estarei à espera do dia da minha morte a partir de hoje, uma morte “encomendada” pelo promotor da divisão e do ódio na sociedade guineense.

Na verdade, não é a primeira, nem segunda ou terceira vez, que venho sendo ameaçado de morte, desde quando criei o Projecto Guiné-Bissau CONTRIBUTO a 10 de Maio de 2003.

Não sou imortal, como nenhum de nós o é, por isso, provavelmente um dia alguém conseguirá desferir-me um ataque letal.

O que aproveito para dizer ao sr. Victor Abilio Fonseca Nhaga e outros tantos como ele, é que NENHUMA AMEAÇA DE MORTE, me demoverá de continuar a trabalhar pela Guiné-Bissau, goste-se ou não, do que escrevo, pois não escrevo sobre a vida pessoal/privada de ninguém, mas sim, sobre assuntos do Estado, da Governação, da Sociedade, da Guiné-Bissau!

Se os políticos e governantes da Guiné-Bissau acharem que me devem processar, judicialmente, há muito que lhes fiz essa sugestão, por estar certo das minhas responsabilidades tendo em conta os meus direitos e os meus direitos, enquanto cidadão!

Como tenho dito, infelizmente, temos uma Sociedade Doente, por via da intoxicação político-partidária e dos agentes com o poder de influência na manipulação/instrumentalização social.

Positiva e Construtivamente, Vamos Continuar a Trabalhar, pela Nossa Guiné-Bissau!

Didinho 15.03.2020

Clique no link que se segue para ouvir as ameaças, ainda que feitas em kriol, a língua nacional da Guiné-Bissau.

Victor Abilio Fonseca Nhaga faz ameaças de morte a Fernando Casimiro

Página pessoal de Victor Abilio Fonseca Nhaga no Facebook

——————————————

ENTRE A VIDA E A MORTE – UMA RECAPITULAÇÃO

Entre a vida e a morte, resistimos até ao limite, tendo em conta o “pacto” entre o nascer e o morrer, estabelecido como destino de cada um.

Temos o dia de nascer e o dia de morrer.

Temos um local e uma hora para nascer e, também, para morrer, sendo que, em ambas as situações, ninguém escolhe ou decide onde nasce e onde morre.

Em vida, amemo-nos uns aos outros!

Didinho 06.09.2017

Fernando Casimiro

View posts by Fernando Casimiro
Didinho Didinho (Fernando Jorge Gomes da Fonseca Casimiro) nasceu em Bissau, República da Guiné-Bissau, em 15 de agosto de 1961 onde fez os seus estudos primários e secundários. Desportista polivalente, foi professor de Judo, tendo participado nalgumas manifestações nacionais e internacionais da modalidade. Em novembro de 1981, deixou Bissau, rumo a Angola, onde veio a ingressar na marinha mercante grega, tendo em 1984 atingido o posto de Oficial Maquinista Naval. Viajou um pouco por todo o Mundo, registando um histórico de 70 países visitados. Após deixar a marinha mercante em 1988, fixou residência em Portugal, onde trabalhou na área de Manutenção Industrial e Metalomecânica até maio de 2015. Empenhado no desenvolvimento e promoção do seu país, criou em 2003 o Projeto “Guiné-Bissau: Contributo” com o objetivo de sensibilizar a opinião nacional e internacional para os problemas da Guiné-Bissau e de contribuir para a busca de soluções para os mesmos. Frequentou o curso de licenciatura em Ciências Sociais, tendo a Ciência Política e a Administração Pública como áreas de especialização. É Consultor para assuntos Políticos, Comunicação e Informação. Autor de vários artigos, nomeadamente sobre a Guiné-Bissau, colabora com diversos órgãos de informação. Humanista, pensador, escritor, poeta, fotógrafo, ativista social, analista e cidadão político, assim é a abrangência multifacetada de um homem simples e apaixonado pela Vida. A 10 de maio de 2017 anunciou a sua candidatura às eleições presidenciais na Guiné-Bissau, previstas para 2019 É sócio efetivo nº 1441 da Associação Portuguesa de Escritores desde 23 de maio de 2017 A 09 de Maio de 2018 publicou o seu primeiro livro de poesia, intitulado MINHA TERRA, MEU UMBIGO, sua 4ª obra literária, depois de: 1 - O MEU PARTIDO É A GUINÉ-BISSAU - COLECTÂNEA DE TEXTOS EDITORIAIS - VOL. I - 16.08.2016 2 - O MEU PARTIDO É A GUINÉ-BISSAU - COLECTÂNEA DE TEXTOS EDITORIAIS - VOL. II - 22.08.2016 - EUEDITO. 3 - O MEU PARTIDO É A GUINÉ-BISSAU - COLECTÂNEA DE TEXTOS EDITORIAIS - VOL. III - 08.10.2016 - EUEDITO. A sua próxima obra literária intitulada MEUS PENSAMENTOS, MINHAS SEMENTES PARA A GUINÉ-BISSAU deverá ser publicada oportunamente. Contatos: didinhocasimiro@gmail.com +351 962454392 WhatsApp – Fernando Casimiro +351 962454392