A minha luta é pela Guiné-Bissau, Meu Partido…

Não devo nada a ninguém; não me propus nunca, a apoiar/defender nenhum partido político ou candidato a qualquer exercício de poder do Estado;
Nunca recebi, ou estive à espera de receber qualquer contrapartida pelo que penso e escrevo sobre a Guiné-Bissau.

A minha luta é pela Guiné-Bissau, Meu Partido e, pelos meus irmãos Guineenses, sobretudo, os mais desfavorecidos!

Se alguém está frustrado por via dos seus interesses terem sido beliscados com o anúncio dos resultados oficiais provisórios da eleição presidencial, lamento, mas nada tenho a ver com isso!

Vivi e continuarei a viver sempre, do meu trabalho, digno, honesto, fora do meu País, porquanto ter sido sempre excluído (e visto como inimigo e alvo a abater) da participação contributiva em prol do Interesse Nacional.

Do que se queixam a meu respeito?

O que fizeram em nome da Cidadania para ajudar a despertar a consciência de um Povo há muito hipnotizado e, consequentemente, para mudar a mentalidade desse mesmo Povo, pela Positiva?

Do que se queixam, vós que alegais ser expoentes máximos do conhecimento científico, face a um simples “analfabeto”…?!

Didinho 01.01.2020

Cidadania e Direitos Humanos, Didinho, Política, Sociedade,